Prefeitura de Anápolis vai retomar obras do Residencial Colorado I e II com dinheiro liberado pelo Ministério das Cidades
Compartilhar

Por Hélmiton Prateado

O prefeito de Anápolis, Roberto Naves anunciou a retomada das obras do Residencial Colorado I e II e comemorou com os futuros moradores a expectativa de conclusão para breve. O anúncio foi feito em evento que contou com a presença do ministro das Cidades, Alexandre Baldy, que cuidou da liberação dos recursos e a parceria com a Caixa Econômica Federal.
“As pessoas não aguentam mais esperar para morar em seus próprios lares e deixar para trás a sacrificante situação de pagar aluguel”, frisou o prefeito. A solenidade foi realizada na manhã desta segunda-feira, 5, quando o prefeito e o ministro anunciaram o repasse de mais de R$ 5 milhões para a conclusão dos serviços, interrompidos há mais de dois anos, faltando menos de 5% para sua finalização.
Logo no início de sua gestão, no ano passado, o prefeito Roberto Naves buscou reativar o trabalho no Residencial Colorado. Porém, devido às dificuldades financeiras apresentadas pela construtora Almeida Neves o andamento da obra não seguiu o ritmo desejado. O prefeito, os futuros moradores e vereadores visitaram o local, juntos, e ficou constatado que algo tinha que ser feito com urgência. Diante disto, a administração municipal iniciou as conversações com a Caixa Econômica Federal e o Ministério das Cidades para resolver o problema.

População beneficiada comemorou a retomada dos serviços

A solução encontrada, relatou o ministro Antônio Baldy, presente ao evento nesta segunda-feira, passou pela rescisão do contrato com a Almeida Neves e a contratação da construtora Realiza. O Ministério das Cidades e a Caixa, financiadora do programa habitacional Minha Casa Minha Vida, viabilizaram o repasse à Prefeitura de Anápolis, que tem compartilhado com os proprietários a angústia de ver o residencial praticamente pronto, mas ainda sem condições de receber os moradores.
Construído no Setor de Chácaras Colorado, próximo ao Parque dos Pirineus, o Residencial possui 512 apartamentos com área construída de 48,56 m². E a dona de casa Daiane Cristina da Silva Pereira, mãe de três crianças – 10, 5 e um ano – não vê a hora em que poderá se instalar e parar de pagar aluguel. Ela conta que são dois quartos, sala, cozinha, área de serviços, banheiro e varanda.
Com a expectativa de que logo poderia se mudar para o apartamento novo, no final do ano passado Daiane deixou a Vila Esperança e alugou um espaço no Parque dos Pirineus. “Já matriculei minhas filhas na escola aqui do bairro, pois acredito que agora vamos ter nossa casa própria”. Em breve, as meninas da Daiane e seu garotinho de um ano vão poder brincar na área de convívio social e de lazer, com parquinho e duas quadras poliesportivas.

 

Compartilhar

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here