Compartilhar

Por Hélmiton Prateado

A Prefeitura de Goiânia, por meio da Secretaria Municipal de Políticas para Mulheres (SMPM, está entrado em contato com todas as mulheres que passaram pela Casa Abrigo Sempre Viva e as que estão sob medida preventiva, atualmente assistidas pela Guarda Civil Metropolitana (GCM), para averiguar se estas mulheres estão passando alguma necessidade, neste momento de pandemia.
A secretaria procura saber como essas mulheres estão vivendo durante o isolamento social. A titular da Pasta, Ana Carolina Almeida, relatou que a pasta busca informações sobre como elas estão durante a quarentena, se já realizaram o cadastro para o auxílio emergencial, e se estão necessitando de cestas básicas.
Devido à crise econômica que se instaurou durante a pandemia, muitas famílias foram afetadas em Goiânia e a secretaria da Mulher está à disposição para dar assistência a essas mulheres em dificuldades.
O acolhimento de mulheres vítimas de violência doméstica na Casa Abrigo Sempre Viva não sofreu nenhuma mudança, mas algumas medidas preventivas ao vírus foram adotadas.
O atendimento ao público está sendo executado por meio de canais como:
E-mail: [email protected]
Telefone: (62) 3524-2933/34.

Compartilhar

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here