Compartilhar

O prefeito de Aparecida de Goiânia, Gustavo Mendanha, foi eleito entre 1.890 prefeitos e prefeitas de todo o Brasil para atuar como vice-presidente do Consórcio Nacional das Vacinas das Cidades Brasileiras, chamado de Conectar. A eleição, que ocorreu nesta segunda-feira (29), coloca Aparecida no centro das decisões envolvendo a busca por vacinas, medicamentos e insumos para ajudar as cidades na prevenção e enfrentamento à Covid-19.
A Região Centro-Oeste terá dois prefeitos na diretoria do Conectar, sendo Gustavo Mendanha (o único de Goiás) e o prefeito de Cuiabá (MT), Emanuel Pinheiro. Gustavo será vice-presidente da regional Centro-Oeste para cidades não capitais. O Consórcio Nacional das Vacinas das Cidades Brasileiras será presidido pelo prefeito de Florianópolis (SC), Gean Loureiro.
“Enquanto prefeitos, nos unimos numa força-tarefa sem precedentes para acelerar a vacinação em todo o Brasil. Nesse sentido, acredito que os municípios podem dar uma contribuição muito grande ao País, justamente porque as cidades estão na ponta do processo, ou seja, aplicando diretamente na população as doses fornecidas”, comenta Gustavo Mendanha.
Agora vice-presidente do Consórcio Conectar, Gustavo menciona que os prefeitos pediram na sexta-feira (26) aos Estados Unidos o empréstimo de doses da vacina contra Covid estocadas em território americano. Essa estratégia, explica o prefeito, permitiria ao Brasil adiantar em um mês a previsão colocada pelo governo brasileiro de vacinar, até o final de julho, todas as pessoas dos públicos-alvo. Esse pedido também já foi feito pelo Senado e o Supremo Tribunal Federal.
Uma das propostas feitas aos Estados Unidos é de devolver os imunizantes à medida que o Brasil for adquirindo novas doses através de outras negociações. O Consórcio Nacional das Vacinas das Cidades Brasileiras foi idealizado pela Frente Nacional de Prefeitos.

Compartilhar

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here