Compartilhar

Por Hélmiton Prateado

Viadutos, pontes, prolongamentos de avenidas, pavimentação, reconstrução asfáltica. Por onde se anda se vê homens e máquinas trabalhando incansavelmente nas dezenas de obras que a Prefeitura de Goiânia está construindo para melhorar a mobilidade urbana da Capital e a qualidade de vida da população. O conjunto desses empreendimentos engloba recursos que chegam a R$ 779,6 milhões e destaca a atual gestão como o período de maior investimento em obras estruturantes de mobilidade dos últimos anos em Goiânia.
Depois de um esforço concentrado para organizar as finanças do município, quitando dívidas e construindo capital político e financeiro, a gestão pode iniciar os investimentos em infraestrutura e de Norte a Sul, de Leste a Oeste tem uma obra sendo erguida.
BRT Norte-Sul
Um sistema moderno de transporte vai cruzar Goiânia de Norte a Sul, facilitando sobremaneira a vida do usuário do transporte público. O BRT Norte-Sul, que já está com a execução bastante adiantada no trecho 2, entre o Terminal Recanto do Bosque e o Terminal Isidória, começou a ser construído no trecho 1 e, pronto, todo o sistema que ligará a Capital à Aparecida de Goiânia contará com um viaduto (Av. Perimetral Norte), uma trincheira (Av. Rio Verde com Av. Tajurá), seis terminais de integração (Recanto do Bosque, Perimetral, Rodoviária, Isidória – em Goiânia – Correios e Cruzeiro – em Aparecida de Goiânia) e 36 plataformas de embarque e desembarque (31 em Goiânia e cinco em Aparecida de Goiânia). Junto com o BRT estão incluídas outras melhorias: a requalificação das calçadas, pavimentação de vias, rede de drenagem, iluminação pública e sinalização viária – horizontal e vertical.
Complexo Viário Jamel Cecílio
No coração de Goiânia, a Prefeitura está erguendo o Complexo Viário Jamel Cecílio, uma das intervenções mais arrojadas já executadas no trânsito da Capital, envolvendo bairros populosos e a saída leste da cidade. Composto por três elementos – o elevado, o viaduto em nível e a trincheira – a obra vai desafogar o tráfego intenso no cruzamento da Avenida Jamel Cecílio, Marginal Botafogo e Avenida Leopoldo de Bulhões, que dão destino à saída Sul da Capital e aos bairros Jardim Goiás, Parque Flamboyant, Alphaville, Portal do Sol, Alto da Glória. Com esse Complexo Viário, a Prefeitura cria uma via arterial leste-oeste que liga a GO-020 à Av. T-3, no Setor Bueno.
Viaduto da Enel
Do outro lado da cidade, na Região Leste, o viaduto da Enel, ligando a Rua 117, no Setor Leste Universitário, à Avenida Ribeirão Preto, no Jardim Novo Mundo, passando sobre a BR 153, no km 498. O empreendimento vai impactar, além desses dois setores, os bairros Água Branca, Jardim Califórnia, Chácara Califórnia, Aruanã III, Jardim Califórnia – Parque Industrial, Residencial Sonho Verde, Residencial Sonho Verde Complemento, Residencial Vale do Araguaia, Vila Maria Luiza, Vila Martins e Vila Martins Extensão, e uma população de mais de 100 mil habitantes e atrair para o local um tráfego de 2.500 veículos por dia, permitindo mais agilidade no tráfego entre a zona central da cidade e a Região Leste.
Ponte da Vila Alpes
Na Região Sudoeste, outro importante empreendimento para a mobilidade urbana com impacto direto em sete bairros: Vila Alpes, Jardim América, Jardim Ana Lúcia, Vila Mauá, Vila União, Vila Alvorada, Vila Bela e ainda os setores Bueno e Nova Suíça, atingindo mais de 120 mil pessoas.
Avenida Leste-Oeste
O eixo estruturante da Avenida Leste-Oeste foi projetado para fazer a ligação contínua entre a rodovia GO-403, na divisa com Senador Canedo, e a Gyn 24, na divisa com Trindade, numa extensão de 40 km, sendo 10,2 relativos à rodovia, que se encontra duplicada.
Em julho do ano passado, a Prefeitura de Goiânia retomou as obras de prolongamento de 8,1 km do tramo leste, entre a Rua 74, no Centro, e a Avenida das Cerâmicas, na GO 403. O trecho conta com duas obras de arte especiais, a ponte sobre a Marginal Botafogo, iniciada em janeiro deste ano e já com 70% dos serviços concluídos, e o túnel sob a BR-153, que está em adequação de projeto.
No tramo oeste, a Prefeitura iniciou, em fevereiro deste ano, a construção do trecho de 1,7 km, entre a Avenida Castelo Branco, no Setor Rodoviário, e a Rua da Alegria, no Bairro Goiá. Executadas pela Seinfra, as obras já foram concluídas em 60%.

Compartilhar

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here